Redução de ruído

Top PDF Redução de ruído:

DETERMINAÇÃO DO DESEMPENHO ACÚSTICO DE DISPOSITIVOS DE REDUÇÃO DE RUÍDO DO TRÁFEGO RODOVIÁRIO

DETERMINAÇÃO DO DESEMPENHO ACÚSTICO DE DISPOSITIVOS DE REDUÇÃO DE RUÍDO DO TRÁFEGO RODOVIÁRIO

No presente artigo apresenta-se o princípio, equipamento, forma e procedimento de ensaio de avaliação do desempenho dos dispositivos de redução de ruído in situ, assim com as dificuldades sentidas na realização dos ensaios nas barreiras existentes. São apresentados resultados da avaliação de diferentes tipos de barreiras acústicas, nomeadamente as características intrínsecas de isolamento sonoro aéreo, assim como a correlação entre os valores obtidos por diferentes métodos e a comparação com os valores previstos. De forma a investigar a robustez à presença do ruído de fundo e à invariância no tempo do sistema de medição foram utilizados dois tipos de sinais eléctricos de ensaio: um sinal Sequência de Comprimento Máximo (MLS) e um Varrimento de Sinais Sinusoidais (Sine Sweep).
Mostrar más

14 Lee mas

Otimização experimental do tratamento de amortecimento estrutural da carroceria de um veículo de passageiro para a redução de ruído interno

Otimização experimental do tratamento de amortecimento estrutural da carroceria de um veículo de passageiro para a redução de ruído interno

A análise modal experimental tem por objetivo determinar os parâmetros modais, que são os valores da freqüência natural, do fator de perda (amortecimento) e da respectiva forma de vibra[r]

10 Lee mas

Ruído em Cidades – Estratégias de Gestão e Redução

Ruído em Cidades – Estratégias de Gestão e Redução

Os diferentes países têm vindo a adoptar diversas estratégias de controlo e redução de ruído no sentido de contrariar o conflito entre desenvolvimento e agressão ambiental, no que diz respeito ao ruído. Tal tem passado por legislações crescentemente mais exigentes. Portugal tem sido, neste aspecto, relativamente pioneiro. Primeiro, por ter aprovado o Regulamento Geral sobre o Ruído em 1987 [1] bastante abrangente para a época. Depois, com a publicação do Regime Legal sobre a Poluição Sonora em 2000 [2], considerado como um dos melhores enquadramentos legais sobre o ruído a nível europeu. Outros países têm, no entanto, tido uma acção mais eficazes no que diz respeito à gestão do ruído ambiente em espaços urbanos e a intervenções práticas para redução de ruído.
Mostrar más

6 Lee mas

Ordenamento do Território, Ruído e Impostos sobre a Propriedade

Ordenamento do Território, Ruído e Impostos sobre a Propriedade

A finalidade deste estudo é a análise da influência do ruído no valor patrimonial dos prédios urbanos, determinado em consonância com o Código do Imposto Municipal sobre Imóveis aprovado em 2003. A análise do binómio “ruído/impostos sobre a propriedade” assentou num estudo SIG elaborado para três concelhos que funde ordenamento do território, mapas do ruído, cartas de classificação de zonas e carta de factores de localização. A combinação de todos os elementos permitiu a definição de zonas de conflito sonoro e a determinação dos terrenos para construção disponíveis bem como da respectiva capacidade construtiva. Esta capacidade construtiva potencial poderá não poder ser exercida para zonas com ruído ambiente excessivo. Considerando os coeficientes de localização foi efectuada a estimativa dos novos valores patrimoniais e da eventual perda de receita fiscal. Um grande incentivo para a execução e implementação dos Planos Municipais de Redução de Ruído.
Mostrar más

13 Lee mas

INFORMAÇÃO DE RUÍDO AMBIENTE EM PORTUGAL “CONGRESSO ACÚSTICA 2008”

INFORMAÇÃO DE RUÍDO AMBIENTE EM PORTUGAL “CONGRESSO ACÚSTICA 2008”

A fim de auxiliar as instituições municipais que têm de lidar com a gestão do ruído ambiente, e cabendo à APA prestar apoio neste domínio, foi elaborado, em resultado de um protocolo estabelecido com a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, o Manual Técnico para Elaboração de Planos Municipais de Redução de Ruído [7].

10 Lee mas

A REDUÇÃO NO RUÍDO RODOVIÁRIO COM A UTILIZAÇÃO DE PAVIMENTOS DE BAIXO RUÍDO

A REDUÇÃO NO RUÍDO RODOVIÁRIO COM A UTILIZAÇÃO DE PAVIMENTOS DE BAIXO RUÍDO

Os resultados obtidos pelo método CPX indicam que é possível uma redução de ruído na fonte de cerca de 3dB(A). Redução essa que aumenta até cerca de 7dB(A) para a velocidade de 110km/h quando o receptor se encontra a 7.5m da fonte (método de ensaio CPB). Estes resultados seriam ainda mais significativos se a mistura tomada como referência fosse, por exemplo, um betão betuminoso com agregados de dimensão máxima de 16mm em vez de 12mm (mistura de utilização corrente). Os resultados mostram que a redução do ruído rodoviário passa pelo uso mais alargado, principalmente em estradas com limite de velocidade elevada, de camadas de desgaste delgadas com agregados de dimensão máxima reduzida, neste caso particular de 8mm, com ou sem recurso a modificação do betume com borracha dos pneus.
Mostrar más

12 Lee mas

O Mapa de Ruído como Ferramenta de Gestão Ambiental na Indústria

O Mapa de Ruído como Ferramenta de Gestão Ambiental na Indústria

A elaboração de mapas de ruído de indústrias através de modelação em computador é uma ferramenta poderosa para a gestão ambiental de unidades industriais, quer em fase de projecto, quer para indústrias já existentes, permitindo evidenciar o cumprimento ou não de determinados níveis de ruído na envolvente, para efeitos de certificação ambiental por exemplo, bem como definir planos de acção de redução de ruído detalhados. A introdução do conceito de “quota de ruído” é, em muitos casos, a única solução para definir claramente objectivos de ruído a atingir, sobretudo quando há várias entidades a produzir ruído para um mesmo local.
Mostrar más

8 Lee mas

Cartografia de Ruído em Grandes Cidades

Cartografia de Ruído em Grandes Cidades

O Grupo de Acústica e Controlo de Ruído do CAPS-IST elaborou, já, os mapas de ruído das Cidades de Lisboa, de Almada e de Loures e colaborou na elaboração do mapa de Hong-Kong com base em técnicas de cálculo. Os mapas resultantes constituem-se em bases de dados relativos às áreas urbanas (topografia e construções), suas fontes sonoras, níveis sonoros de emissão e de recepção, usos do solo e graus de exposição ao ruído das populações. Estes dados podem ser alterados ou trabalhados em qualquer momento para actualização, estudo de cenários alternativos ou de desenvolvimento, elaboração de planos de pormenor ou de planos de redução de ruído.
Mostrar más

8 Lee mas

Situação Actual da Acústica Ambiental e da Edificação Acusticamente Sustentável, em Portugal Jorge Patrício

Situação Actual da Acústica Ambiental e da Edificação Acusticamente Sustentável, em Portugal Jorge Patrício

Toda esta legislação tem como princípio base o licenciamento/planeamento em função do uso do solo. É esta a linha condutora do actual regulamento sobre o ruído ambiente (RGR) quando estabelece exigências recorrendo a critérios de zonamento, à utilização de mapas de ruído, à concepção de planos de redução de ruído e à imposição de obrigações para entidades gestoras de redes de tráfego, visando a salvaguarda da tranquilidade das pessoas que vivem, trabalham, ou simplesmente se encontram, em locais sensíveis ao ruído, e em meios urbanos. A acrescer a esta linha fundamental, o regulamento contempla alguns aspectos específicos adicionais, como sejam os associados ao licenciamento de actividades ruidosas permanentes (estabelecimentos comerciais, de serviços e eventuais unidades industriais), os relacionados com o licenciamento de festas e romarias e a execução de obras, e o ruído de vizinhança (este
Mostrar más

7 Lee mas

Breve Panorâmica do Ruído Industrial em Portugal

Breve Panorâmica do Ruído Industrial em Portugal

O artigo 2º do Dec. Regulamentar 9/92, no seu ponto 3 estabelece que “Para reduzir os riscos ligados à exposição dos trabalhadores ao ruído durante o trabalho devem ser utilizadas, pela seguinte ordem de prioridades, medidas técnicas de protecção colectiva, de organização do trabalho, e de protecção individual...”. Destas três opções, as duas primeiras, são de âmbito de estudo especializado a que só técnicos especialistas (normalmente exteriores às empresas) dão resposta e às quais as Direcções empresariais não dão grande atenção. Este facto deve-se a dois motivos fortes: o primeiro é por não saberem o que fazer; o segundo é por na maior parte dos casos, as acções a adoptar serem mais dispendiosas do que fornecer a cada trabalhador uns simples protectores auditivos.
Mostrar más

8 Lee mas

METAIS USADOS NA INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA PARA REDUÇÃO DO PESO

METAIS USADOS NA INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA PARA REDUÇÃO DO PESO

Dessa forma, serão comentados alguns dos principais metais utilizados na atualidade para a concepção de automóveis, bem como, a contribuição de cada um na fabricação de produtos mais lev[r]

6 Lee mas

Novoneyra: nova xeira a poesía como antídoto contra o ruído

Novoneyra: nova xeira a poesía como antídoto contra o ruído

Vaiamos, pois, con outro dos leit-motiv do poeta, que se resume nun oxímoro: a música do silencio ou a poética do silencio. Digamos xa, sen preámbulo nengún, que utilizamos ruído na súa significación semiolóxica, mais cunha particular aplicación a unha sobrecarga de interferencias sofrida pola lingua galega e mais polo universo de representacións galegas en xeral. Se nunha lingua en condicións soberanas de desen- volvemento, se conceptúa “ruído” como calquer perturbación que se experimente no proceso de comunicación, por parte de calquer dos seus actores ou elementos, no caso dunha lingua, como a galega, submetida a unha situación de conflito, o ruído é consi- derabelmente maior, en cantidade e en intensidade das turbacións. A propria percep- ción do idioma reséntese da lousa dos preconceitos acumulados; a motivación para o manter estaba –e está– asediada adoito polo hábito da substitución diglósica; o exer- cicio, en fin, ou uso, fortemente mancado pola ausencia ou limitadísima presenza da escrita pública e da megafonía social. Nos anos cincuenta do século XX, en que Uxío comeza a súa andaina literaria, si era aberta maioría a poboación utente do galego como lingua inicial, mais non por iso deixaban de ser ferreñamente actuantes as regras da exclusión do galego de todo o espazo público. Constitúese así a literatura galega nun icebergue ou nun illó monolingüe nun mar inmensamente galego, tanto como dolorosamente diglósico, popular tanto como ausente dos usos formais. Contra estes farallóns de españolización-desgaleguización forzosa, contra este ruído, ergue a súa voz a poesía.
Mostrar más

15 Lee mas

Análise de Ruído em Instalações Eletro - Mecânicas de Saneamento

Análise de Ruído em Instalações Eletro - Mecânicas de Saneamento

RESUMO: Dentre as diversas fontes de ruído existentes, o presente trabalho visa identificar possíveis incômodos e oferecer soluções de engenharia na mitigação àqueles ruídos causados por instalações eletro- mecânicas de sistemas de abastecimento de água ou coleta de esgotos sanitários, construídos nas proximidades de aglomerados urbanos, onde tais situações representem potencial de reclamação. Serão analisadas instalações eletro-mecânicas de saneamento antigas, em que a preocupação com a eventual produção e mitigação do ruído não foi considerada; por outro lado, será comparada com uma instalação em que todas estas considerações e precauções foram observadas; assim sendo, ter-se-á o cotejamento entre o antigo com construções existentes; e o novo em que as instalações atendem a padrões de qualidade e conforto, respeitando-se a população residente e o meio ambiente no entorno da instalação.
Mostrar más

8 Lee mas

Redução catalítica seletiva de óxidos de nitrogênio sobre hematita contendo cobre

Redução catalítica seletiva de óxidos de nitrogênio sobre hematita contendo cobre

Nesses materiais, o enxofre e o cobre estão mais concentrados na superfície na forma das espécies S 6+ e Cu 2+ , que aumentam a atividade de redu- ção e diminuem a atividade de oxidação[r]

5 Lee mas

Previsão de Ruído de Tráfego Ferroviário em Portugal

Previsão de Ruído de Tráfego Ferroviário em Portugal

O Modelo Português FERR+ [3] aproxima o comboio a uma fonte em linha finita, pressupõe o cálculo em condições de campo livre e toma o comprimento do comboio como constante. Neste modelo, todos os cálculos são realizados em valores absolutos, sendo utilizada, para o cálculo do ruído lateral gerado pela passagem de um comboio, a expressão seguinte:

8 Lee mas

MAPAS DE RUÍDO NO PLANEAMENTO MUNICIPAL – CASO PRÁTICO

MAPAS DE RUÍDO NO PLANEAMENTO MUNICIPAL – CASO PRÁTICO

Embora a propagação de ruído seja um problema eminentemente de âmbito local, muitas das infraestruturas que produzem ruído, existentes ou projectadas, atravessam vários municípios [1]. Há ainda infraestruturas (por exemplo, um aeroporto, ou uma autoestrada bordejando os limites do concelho) que, estando situadas num dado concelho, afectam consideravelmente o ruído de um concelho vizinho [2]. Há por isso claras vantagens na cooperação intermunicipal ao nível do ruído que, se complementada por uma boa coordenação regional, a cargo da administração regional, e pelo estabelecimento de directrizes, centralização e disseminação de informação, a cargo da administração central, poderá resultar numa forma muito eficaz de gerir o ruído ambiente, em todas as suas vertentes, contribuindo decisivamente para uma optimização de recursos e obtenção do máximo resultado, no que realmente interessa: conhecer e reduzir a exposição da população ao ruído ambiente, e prevenir aumentos excessivos da mesma no futuro.
Mostrar más

7 Lee mas

RUÍDO DE EQUIPAMENTOS ELECTROMECÂNICOS EM ESPAÇOS OCUPADOS

RUÍDO DE EQUIPAMENTOS ELECTROMECÂNICOS EM ESPAÇOS OCUPADOS

O conhecimento dos princípios psico-fisiológicos que influenciam o modo como os auditores ouvem e entendem o ruído, levou à definição de critérios de conforto acústico actualmente utilizados na especialidade. Recorrendo a critérios com aplicação prática generalizada, são avaliados casos exemplares retractando situações correntes de intrusão de ruído, com origem em equipamentos electromecânicos, afectando espaços ocupados, com o objectivo de discutir a adequabilidade da utilização desses critérios. Visando avaliar o enquadramento regulamentar nacional em vigor sobre o tema, analisam-se os mesmos casos exemplares à luz dos critérios legais aplicáveis. Tecem-se considerações sobre a análise realizada e os resultados obtidos para os casos exemplares, confrontando-se a avaliação resultante dos critérios de conforto acústico com a avaliação dos critérios regulamentares considerados.
Mostrar más

12 Lee mas

Estudo Psicosocial da Moléstia Causada Pelo Ruído

Estudo Psicosocial da Moléstia Causada Pelo Ruído

Verificou-se, também, que mais da metade dos entrevistados (60%) freqüenta o local há mais de seis anos e lá permanece por mais de 9:00 horas ao dia, tempo de exposição suficiente para desenvolver sintomas característicos da Perda Auditiva Induzida pelo Ruído [5]. 50% dos entrevistados apresentem sintomas extra-auditivos causados pela exposição ao ruído. Cerca de 67% não têm outros comprometimentos otológicos, restringindo os sintomas diagnosticados, à exposição ao ruído urbano.

8 Lee mas

IMPACTO DO RUÍDO GERADO NO ACESSO A UM PEQUENO AUDITÓRIO

IMPACTO DO RUÍDO GERADO NO ACESSO A UM PEQUENO AUDITÓRIO

classificação entre o bom e o excelente numa escala subjectiva relativamente à inteligibilidade da palavra. Nas medições mais recentes confirmaram-se não só os valores anteriores do índice RASTI como também o facto curioso de os pontos que apresentavam os valores mais elevados se situarem na zona central e posterior direita da audiência e os valores mais reduzidos se situarem no lado esquerdo da zona posterior. Finalmente foi também possível verificar que em termos médios, ao compararem-se os índices de redução da modulação obtidos com os valores esperados para um caso de um decaimento exponencial puro, obteve-se uma boa aproximação dos valores medidos com os valores teóricos, quer para as bandas de oitavas de 500 e 2000 Hz, facto que indiciava a não existência de ecos ou de outro tipo de acidentes acústicos no interior do auditório, já que o ruído ambiente durante as medições é muito baixo.
Mostrar más

9 Lee mas

Em Busca dos Melhores Limites Legais de Ruído Ambiente

Em Busca dos Melhores Limites Legais de Ruído Ambiente

De acordo com a Directiva 2002/49/CE nos seus pontos (8) e (9) é referida a necessidade de estabelecer métodos comuns de avaliação do «ruído ambiente» e uma definição dos «valores-limite» em termos de indicadores harmonizados para a determinação dos níveis de ruído exterior. Os números concretos de qualquer valor-limite deverão ser determinados pelos Estados-Membros. Os indicadores comuns seleccionados são o L den (Nível dia-entardecer-noite) associado ao incómodo global e o L noite

9 Lee mas

Show all 10000 documents...