Top PDF Avaliação dos esforços cisalhantes em parafusos fixadores de vigas de estrutura de madeira

Avaliação dos esforços cisalhantes em parafusos fixadores de vigas de estrutura de madeira

Avaliação dos esforços cisalhantes em parafusos fixadores de vigas de estrutura de madeira

Para Calil Jr. e Molina (2010, p. 32), as terças são vigas de madeira, solicitadas à flexão oblíqua, apoiadas sobre paredes ou sobre a estrutura principal da cobertura, com a finalidade de apoiar os caibros, quando existirem; ou, caso contrário, para apoiar as telhas. Quando as terças apoiam o caibramento, as telhas que estão apoiadas sobre as ripas descansam nas terças. Certamente, numa treliça, o engenheiro vai encontrar casos nos quais o perfil arquitetônico necessário é conflitante com o perfil estrutural preferido, e, portanto, altas tensões podem aparecer nas barras internas e nas conexões. A economia pode então ser alcançada, criando balanço econômico entre o material e a mão de obra.
Show more

83 Read more

Diagnóstico e avaliação da segurança de estruturas de madeira existentes

Diagnóstico e avaliação da segurança de estruturas de madeira existentes

 Relativamente à questão da resistência, é necessário terem-se alguns cuidados durante o tratamento dos dados obtidos. Em estruturas existentes e com vários anos de vida útil, é normal encontrar-se aspetos que dificultam a definição da sua capacidade resistente sendo eles, inexistência de regulamentação aquando da construção, a irregularidade das secções dos materiais utilizados e os problemas inerentes a elementos naturais, entre outros. Tendo em conta os resultados de capacidades resistentes obtidos, pode-se afirmar que este pavimento não apresenta problemas a nível de verificação da segurança aos estados limite últimos, tendo apenas sido verificado valores relativamente baixos durante o estudo das vigas à flexão simples. No entanto verificou-se que o pavimento apresenta problemas a nível de verificação da segurança aos estados limites de utilização, sendo prudente a realização de um estudo mais detalhado consoante o uso a ser dado à estrutura;
Show more

205 Read more

Avaliação da segurança de dois pavimentos em madeira

Avaliação da segurança de dois pavimentos em madeira

Desta forma, como propostas de reforço apresentaram-se as seguintes soluções: (a) colocação de uma nova estrutura metálica sobre a existente de madeira, mantendo-se as travessas e o soalho existente (a estrutura existente de madeira ficaria apenas a suportar o forro do tecto do piso inferior); (b) reforço das vigas secundárias através da colocação de novas vigas de madeira, de modo a reduzir a sua área de influência, e o reforço das vigas principais com a introdução de um perfil metálico da série HEM (as escoras metálicas seriam removidas e tentar-se-ia reposicionar as vigas principais de madeira em altura, o mais próximo possível da sua posição original); e (c) reforço das vigas secundárias do pavimento com a colocação de novas vigas em madeira, para diminuir a área de influência de cada viga, e a substituição das escoras metálicas por pilares adequados para suportar as vigas principais, com a eventual reposição, em altura, das vigas principais de madeira.
Show more

10 Read more

Pontes com estrutura mista madeira-betão e seu potencial de aplicação

Pontes com estrutura mista madeira-betão e seu potencial de aplicação

Uma questão extremamente relevante na modelação de tabuleiros mistos madeira-betão é a distribuição transversal das cargas pontuais entre os elementos de madeira, não só porque estas cargas são elevadas, mas também porque o elemento de betão tem uma espessura considerável, logo uma elevada rigidez de flexão. Uma das formas de considerar a distribuição transversal de cargas consiste em modelar os tabuleiros através do método dos elementos finitos. Outras formas, menos exatas, também podem ser utilizadas, como por exemplo, a consideração de um determinado valor das cargas pontuais sobre uma única viga mista – esse valor pode corresponder (i) ao valor máximo de dimensionamento, conduzindo a resultados conservadores, ou (ii) a um valor estabelecido na bibliografia, o que poderá levar a resultados mais próximos dos reais, mas que poderão não se encontrar do lado da segurança, uma vez que esse valor é obtido para condições específicas dos próprios estudos – por exemplo, os resultados obtidos nos ensaios de carga in situ realizados na Ponte de Quiaios permitiram concluir que mais de 50 % do valor de uma carga pontual aplicada sobre uma viga mista pode ser suportado pelas restantes vigas, dependo da posição transversal e longitudinal da carga (Dias et al., 2011; Dias et al., 2013).
Show more

366 Read more

Distribuição transversal de cargas em lajes mistas madeira-betão, influência do espaçamento e do número de vigas

Distribuição transversal de cargas em lajes mistas madeira-betão, influência do espaçamento e do número de vigas

Palavras como sustentabilidade e reabilitação aumentam o interesse pela aplicação de lajes mistas Madeira-Betão, o que motivou à investigação (teórica e experimental) no que diz respeito ao seu comportamento estrutural e caraterísticas mecânicas. Questões como o tipo de carga, efeitos de segunda ordem, comportamento a longo prazo, geometria e sistemas de ligação foram abordadas nessas investigações. No entanto, estudos sobre a distribuição transversal de cargas nestes pavimentos de Madeira-Betão são escassos, nomeadamente quando a estrutura é submetida a condições de carga específicas como cargas pontuais verticais devido a mobiliário, equipamentos pesados ou quando é submetido ao peso morto de paredes orientadas paralelamente às vigas de madeira. Um dos inconvenientes dos pavimentos de madeira era a sua falta de capacidade de repartição de esforços, facilmente observado em pavimentos mais antigos pela movimentação das pessoas. Com a junção da madeira com o betão a transmissão de esforços para os restantes elementos estruturais passa a ser facilitada, embora parâmetros como as condições de apoio, número e o espaçamento das vigas de madeira, espessura da camada de betão, comprimento do vão e dimensões da secção transversal sejam desconhecidos na influência da distribuição transversal de cargas. Deste modo interessa perceber de que forma parâmetros referidos como, o número e o espaçamento entre as vigas de madeira influenciam nessa distribuição transversal de cargas, dando assim continuidade à investigação iniciada por Monteiro (Monteiro, 2015) sobre o comportamento de estruturas mistas quando sujeitas a carregamentos transversais concentrados, surge a presente dissertação.
Show more

89 Read more

Sistemas construtivos de madeira: análise comparativa entre dimensionamentos realizados com base em uma estrutura real

Sistemas construtivos de madeira: análise comparativa entre dimensionamentos realizados com base em uma estrutura real

O presente trabalho apresenta a avaliação do dimensionamento de uma cobertura real construída com madeira roliça proveniente de reflorestamento. A escolha do tema e objeto de estudo baseou-se no fato de que uma parcela expressiva das estruturas de coberturas no país que empregam a madeira como principal componente construtivo, não são concebidas por meio de dimensionamentos adequados. A concepção destas edificações utilizando-se métodos empíricos, induz ao emprego de peças superdimensionadas ou inadequadas, com propriedades de resistências distintas e configurações arquitetônicas não ideais. Estes fatos foram observados após análises da cobertura de referência, comprovando-se, então, que a mesma não foi projetada conforme recomendações normativas. Além da avaliação desta edificação, são apresentadas propostas de sistemas construtivos que poderiam ter sido empregados com base nos aspectos arquitetônicos originais desta, alterando-se apenas as características quanto à forma, espécie, tipo de material e arranjos das peças de madeira. Os sistemas construtivos expostos para fins comparativos empregam desde treliças de madeira roliça de Eucalipto e de madeira serrada tropical às vigas compostas por lâminas de madeira beneficiadas. O dimensionamento e concepção estrutural adequados induziram à uma redução do consumo de madeira em torno de 9,33%, se comparado o sistema mais eficiente – treliça Howe de madeira roliça, com o arranjo original das peças da edificação de referência. Os demais sistemas construtivos considerados vantajosos, tendo como base aspectos de consumo, de custos e peso próprio das estruturas, compreenderam a utilização dos tipos de elementos e materiais estruturais na seguinte ordem: treliças Howe + Fink de Eucalipto Cloeziana, vigas Boomerang de madeira laminada colada e, por fim, treliças Howe + Fink e Howe de madeira serrada.
Show more

131 Read more

Estrutura de propriedade e remuneração dos executivos

Estrutura de propriedade e remuneração dos executivos

Os direitos de controle em excesso de acionistas controladores, segundo Chen et al. (2011), proporcionam incentivos para a expropriação da riqueza de outros investidores, que po- dem apresentar interesses opostos aos acionistas minoritários. Para o acionista controlador, o desvio de direitos beneficia a concentração de controle com menor investimento, da mesma forma que incentiva o monitoramento da gestão (BORTOLON, 2010). Okimura, Silveira e Rocha (2007, p. 122) alertam que “mecanismos de propriedade, como estrutura piramidal, propriedade cruzada e emissão de ações sem direito a voto, permitem aos acionistas controladores aumentar o direito de voto nas empresas em relação ao direito sobre fluxo de caixa”. A partir destas evidên- cias, apresenta-se a hipótese a seguir:
Show more

18 Read more

Comparações entre métodos de cálculo de esforços de tração em muros reforçados com geossintéticos

Comparações entre métodos de cálculo de esforços de tração em muros reforçados com geossintéticos

Foram realizadas análises numéricas por elementos finitos dos muros experimentais utilizando o programa computacional Plaxis versão 8.2, considerando condições de deformação plana. As condições de contorno adotadas nas simulações numéricas representaram as condições apresentadas nos muros experimentais. O modelo de Mohr-Coulomb disponível no programa computacional foi utilizados nas simulações dos materiais de aterro e fundação. O solo de fundação foi subdividido em 3 (três) camadas com propriedades distintas, baseadas em resultados de ensaios de laboratório e de campo. A Tabela 3-9, apresenta as principais características destas camadas do solo de fundação utilizadas nas simulações numéricas. A Tabela 3-10 apresenta os valores de propriedades utilizados para o material de aterro. Nas análises numéricas foi utilizado um valor de rigidez à tração igual a 300 kN/m. Esse valor de rigidez à tração é igual ao da geogrelha utilizada no Muro 1, mas maior que a do geotêxtil do Muro 2 (175 kN/m a 230 kN/m, sob condições confinadas, Tabela 3-7). Foram utilizados elementos de interface entre o reforço e o RCD-R utilizando-se um coeficiente de interação R int de 0,9. No
Show more

125 Read more

Estrutura Motivacional Dos Valores Humanos

Estrutura Motivacional Dos Valores Humanos

As correlações de Pearson foram calculadas para os escores de importância de cada um dos valores. A matriz de intercorrelações foi analisada através do método da Análise do espaço menor (Smallest Space Analysis, SSA) de Guttman (1968). Esta é uma técnica indicada para a análise estrutural da similaridade de dados (Davison, 1983). Através dela os valores foram representados como pontos no espaço multidi- mensional, de tal forma que as distâncias entre eles expressavam as relações empíri- cas entre os valores, tal como elas foram mensuradas pelas correlações entre os seus graus de importância, de acordo com as respostas dos sujeitos. Quando o número de dimensões na SSA é maior do que dois, o programa gera uma série de projeções bidimensionais do espaço multidimensional. Foi postulado que o conteúdo motivacional dos valores é o princípio mais poderoso na organização das preferências axiológicas dos sujeitos. Se de fato é assim, o impacto organizador do conteúdo motivacional dos valores será evidente mesmo na projeção dos pontos axiológicos obtidos através da solução bidimensional. Desta forma, as hipóteses da pesquisa foram testadas verifi- cando a possibilidade de dividir, em função da similaridade do conteúdo motivacional dos valores, o espaço bidimensional dos mesmos, em 10 regiões diferentes, corres- pondentes aos tipos motivacionais postulados e formando um padrão (pattern) similar ao da estrutura teórica representada na Figura 1.
Show more

17 Read more

Concentrações de ozono superficial em Portugal: avaliação dos padrões temporais  e dos contrastes espaciais  em estações de fundo

Concentrações de ozono superficial em Portugal: avaliação dos padrões temporais e dos contrastes espaciais em estações de fundo

A absorção da maior parte do ozono ocorre maioritariamente nas fossas nasais e vias respiratórias superiores onde este é mais nocivo, pois nestes tecidos o muco é menos espesso e reage mais intensamente ao stresse oxidativo causado pelo ozono. Este oxidante pode chegar aos alvéolos pulmonares onde provoca inflamações graves. Embora não muito frequente pode atingir o tecido epitelial e a corrente sanguínea podendo causar alterações nas hemácias. Esses mecanismos de defesa são os cílios, o muco e outros compostos existentes no tecido epitelial (ácido ascórbico, ácido úrico, lípidos insaturados e proteínas) que previnem até certo ponto, o dano causado ao epitélio. Mas o contacto destes elementos com o ozono produz compostos perigosos, que podem promover inflamações e dano/morte celular (OMS, 2008). O aumento dos níveis de ozono agrava os problemas de saúde respiratória como asma, bronquite e enfisemas, além de reduzirem a função pulmonar e provocar a irritação dos olhos. Contribuem também para o aumento do número de ocorrências deste tipo de doenças, diminuindo a qualidade de vida das populações.
Show more

70 Read more

Estudo de métodos clássicos e numéricos para obtenção de esforços solicitantes em longarinas de pontes

Estudo de métodos clássicos e numéricos para obtenção de esforços solicitantes em longarinas de pontes

Pode-se, então, calcular os carregamentos atuantes nas longarinas, multiplicando o valor característico pelos coeficientes de majoração de cargas móveis e pelo somatório das cotas da LI, para cargas concentradas, ou pela área, para distribuídas, conforme Tabela 6-4. Quanto aos carregamentos permanentes, representam o valor que efetivamente atua na longarina (um terço do total), sendo a carga concentrada referente à transversina central e a distribuída às demais cargas. Na análise da distribuição das cargas móveis se considera a carga móvel apenas na região em que for desfavorável. As cargas de multidão uniformemente distribuídas (q”) e concentradas dos eixos do veículo-tipo (Q”), diferem-se de q‘ e Q‘ devido à necessidade de se considerar o CIA até 5,0 m das descontinuidades estruturais (encontros). As cargas com índice “neg” representam as reações das cargas móveis na longarina V1 para o caso de o veículo-tipo estar passando na posição mais afastada dessa viga, com a carga de multidão considerada apenas no trecho de cotas negativas da linha de influência. Ilustrou-se, na Figura 6-5, o esquema estrutural da longarina V1, submetida aos carregamentos acidentais positivos.
Show more

160 Read more

Ergonomia na cirurgia laparoscópica: avaliação e análise de esforços produzidos pelos dedos das mãos

Ergonomia na cirurgia laparoscópica: avaliação e análise de esforços produzidos pelos dedos das mãos

A configuração dos manípulos dos instrumentos são um tema de extrema importância visto que estes representam a interface principal entre o cirurgião e o paciente. Mas a sua ergonomia apenas é testada após a colocação no mercado (HM Goossens R, 2001). Um dos principais problemas dos instrumentos que existe atualmente é a sua configuração, sendo a causa de vários problemas físicos que afetam os cirurgiões. Os principais problemas que foram identificados consistem num esforço acrescido por parte do punho e a existência de pontos de extrema pres- são, tanto nos dedos como na palma da mão (Van Veelen et al., 2004). Os dados recolhidos pela Society of American Gastroinstetinal and Endoscospic Surgeons (SAGES) revelaram que, os instrumentos laparoscópicos têm manípulos ergonomicamente inadequados e uma transmis- são de força ineficiente. Estes dois fatores podem levar a que os cirurgiões sofram de cansaço, desconforto e parestesia da mão (De, 2005).
Show more

139 Read more

Revestimento de pisos em madeira para interiores

Revestimento de pisos em madeira para interiores

madeiras portuguesas, enquanto a cerejeira apresenta o menor valor. Nas madeiras exóticas o ipê é a que apresenta maior massa volúmica das três espécies ensaiadas. Relativamente ao ensaio da resistência à flexão, a madeira com maior resistência é a de ipê e a de menor resistência é a faia. Todas as madeiras exóticas apresentam resultados de resistência à flexão superiores aos das madeiras nacionais. O ensaio de dureza está diretamente relacionado com a massa volúmica e quanto maior for esta caraterística maior será a sua dureza. A madeira com maior dureza é a espécie de ipê, por outro lado a que detêm o menor valor de dureza é a cerejeira. Todas as madeiras exóticas apresentam resultados de dureza superiores aos das madeiras nacionais. No ensaio ao desgaste, com ou sem acabamento, a madeira de cerejeira é a que mais se desgasta, por outro lado a madeira de faia é a que tem melhor comportamento na maioria dos casos. Por a madeira de faia apresentar menor massa volúmica e uma menor dureza que as outras espécies, nomeadamente as exóticas, este resultado será algo surpreendente. Tal poderá dever-se a uma maior consolidação em profundidade da madeira devido aos acabamentos conferidos, uma vez que para a situação de sem acabamento superficial, a melhoria de resultados não ser tão evidente. Poderá, por outro lado, ter existido algum fator exógeno favorável aos provetes ensaiados.
Show more

142 Read more

Exigências funcionais em pavimentos de madeira

Exigências funcionais em pavimentos de madeira

A madeira de resinosas é a mais utilizada nas estruturas de madeira, devido ao facto de terem um valor económico inferior, enquanto as folhosas são utilizadas mais para funções decorat[r]

244 Read more

AVALIAÇÃO DOS CURSOS DE BACHAREL EM GESTÃO AMBIENTAL NO BRASIL

AVALIAÇÃO DOS CURSOS DE BACHAREL EM GESTÃO AMBIENTAL NO BRASIL

A demanda por profissionais na área ambiental tem crescido nas últimas décadas a fim de gerenciar atividades que possam causar danos ao meio ambiente. Por se tratar de um âmbito interdisciplinar foram avaliadas as características dos cursos de Gestão Ambiental, no Brasil, para que fossem moldados perfis dos gestores ambientais de cada curso. Os dados para a avaliação foram obtidos através da Plataforma E-MEC do Ministério da Educação (BRASIL, 2018) onde, apenas, cursos com formação em bacharelado foram avaliados, sendo 21 cursos pelo país, cujas disciplinas, obtidas pelas matrizes curriculares disponibilizadas, foram divididas em : administrativas, ambientais, básicas, biológicas, legislação e sociais. Após a quantificação dos dados, observou-se que disciplinas consideradas "básicas" viram de 24% a 44% nos cursos, seguida por disciplinas "ambientais" e "administrativas", que variam de 15% a 35% e 4% a 26%, respectivamente. Após a avaliação, demonstrou-se que uma grande parte dos cursos de Gestão Ambiental estão voltados para a questão empresarial, seguido pela predominância ambiental. Foi comprovado que há variação no perfil do profissional bacharel em Gestão Ambiental a ser inserido no mercado de trabalho.
Show more

5 Read more

AVALIAÇÃO DO CRESCIMENTO E DA QUALIDADE DA MADEIRA DE CLONES DE Eucalyptus EM DOIS AMBIENTES PARA PRODUÇÃO DE CELULOSE

AVALIAÇÃO DO CRESCIMENTO E DA QUALIDADE DA MADEIRA DE CLONES DE Eucalyptus EM DOIS AMBIENTES PARA PRODUÇÃO DE CELULOSE

A relação de volume ocupado por vasos, fibras e parênquima na madeira de diferentes espécies de eucalipto, são fatores importantes na determinação de suas propriedades físicas e mecânicas. Os tecidos fibrosos ocupam de 30 a 70% do volume da madeira, sendo mais abundantes em madeiras de alta densidade (OLIVEIRA, 1997). O conhecimento das características anatômicas dos elementos fibrosos das polpas permite que sejam previstas indicações das propriedades de seus papéis, uma vez que, as características morfológicas das fibras, assim como a quantidade destas por unidade de massa influenciam diretamente a qualidade do papel formado. Segundo Gomide et al. (2005) a presença de fibras mais curtas na madeira contribui para uma boa formação da folha, enquanto as fibras mais longas favorecem a resistência ao rasgo. Os mesmos autores relatam que fibras com parede celular mais espessa conferem maior opacidade e melhor maciez aos papéis para impressão e escrita e papéis tissue.
Show more

83 Read more

Aprendizagem e avaliação em ensino clínico  A teoria dos três mundos

Aprendizagem e avaliação em ensino clínico A teoria dos três mundos

Um dos objetivos principais deste estudo consistiu em perceber se os atores clínicos identificam as características dos três mundos como sendo elementos constituintes do ensino clínico e as perspetivam como influenciadores pedagógicos. No sentido de alcançar esse objetivo, tivemos de atender às diferentes formas de interpretar a mesma realidade e ao significado das experiências de cada um. Este tipo de meta só é passível de ser atingida com recurso a métodos de índole qualitativa, já que os fenómenos em estudo derivam da experiência humana e da forma como cada indivíduo a interpreta. Neste sentido, mobilizamos alguns procedimentos de pesquisa que, em concordância com Pérez Gómez (1997), consideramos serem os procedimentos metodológicos que mais favorecem a investigação de carácter interpretativo: a observação participante; a entrevista; instrumentos de registo e relato de dados, reflexões, impressões e acontecimentos; a triangulação, isto é, o contraste plural de fontes, métodos, informações e recursos. A todos estes acrescentamos, ainda, a realização de focus group para que pudéssemos, em simultâneo, gerir e compreender os dados colhidos e para que o viés expectável e resultante da apreciação pessoal do investigador pudesse ser reduzido pela clarividência e perspetiva fundamental dos autores e/ou intervenientes nos fenómenos em estudo. Estes instrumentos foram utilizados junto de alunos, professores e enfermeiros-tutores, para que, da confluência das várias perspetivas, fosse possível construir uma visão mais ampla e fidedigna dos fenómenos estudados.
Show more

12 Read more

Avaliação da estrutura da comunidade fitoplanctônica em várzeas amazônicas frente às variações hidrológicas, ambientais e espaciais

Avaliação da estrutura da comunidade fitoplanctônica em várzeas amazônicas frente às variações hidrológicas, ambientais e espaciais

Estes resultados estão em concordância com a hipótese de Baas-Becking (Green et al., 2008) que diz: “everything is everywhere, but the environment selects”. ssa hipótese é recorrente em discussões sobre os padrões de dispersão de pequenos organismos, que tendem a ser diferentes dos padrões encontrados em organismos maiores (Martiny et al., 2006; Green et al., 2008; Astorga et al., 2012). Uma possível explicação que pode ser dada, e que, ao analisarmos dois períodos em conjunto, aumentamos a heterogeneidade ambiental e com isso, as variáveis analisadas foram suficientes para perceber essa variação. Também fica evidenciado com isso que os fatores que estruturam as comunidades fitoplanctônicas são complexos e diversos, não se limitando aos que são normalmente analisados. Interações biológicas com outros organismos e outros fatores ambientais, provavelmente são responsáveis pela fração não explicada (fração residual, Tabela 3). Em estudos futuros, é preciso se levar em considerações outras variáveis explanatórias (e.g. conectividade, interações biológicas, vazão, batimetria, morfometria, etc.) afim de que, possamos compreender de forma melhor os fatores que estruturam a comunidade.
Show more

42 Read more

Avaliação dos parâmetros de membranas de quitosana para aplicação em células a combustível

Avaliação dos parâmetros de membranas de quitosana para aplicação em células a combustível

BONIFÁCIO, R. N. Desenvolvimento de processo de produção de conjuntos eletrodo-membrana-eletrodo para célula a combustível baseadas no uso de membrana polimérica condutora de prótons (PEMFC) por impressão a tela. 2010. 143 f. Dissertação (Mestrado em Ciências – Tecnologia Nuclear – Materiais), Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares, Universidade de São Paulo, 2010. CAMPANA - FILHO, S. P.; BRITTO, D.; CURTI, E.; ABREU, F. R.; CARDOSO, M. B.; BATTISTI, M. V.; SIM, P. C.; GOY, R. C.; SIGNINI, R.; LAVALL, R. L. Extração, estruturas e propriedades de α e β quitina. Química Nova, v. 30, p. 644-650, 2007. CARPINÉ, D.; DAGOSTIN, J. L. A.; BERTAN, L. C.; MAFRA, M. R. Development and characterization of soy protein protein isolate emulsion-based edible films with added coconut oil for olive oil packaging: barrier, mechanical, and termal properties.
Show more

69 Read more

Avaliação dos serviços públicos domiciliários em Cartagena de Indias (Colombia)

Avaliação dos serviços públicos domiciliários em Cartagena de Indias (Colombia)

Fuente: Vergara-Schmalbach, Quesada & Blanco (2011). En cuanto a las relaciones causales entre percepción y satisfacción, existen diferentes estudios recientes que demuestran un efecto causal directo entre las percepciones sobre los servicios públicos y la satis- facción (James, 2009; Ilhaamie, 2010; Ramseook- munhurrun et al., 2010; Rahaman & Rahman, 2011; Kondrotaitė, 2012; Azizzadeh, Khalili & Sol- tani, 2013). Es decir, al mejorar la percepción (o calidad del servicio), se podrá incidir positivamente en diferentes medidas sobre el nivel de satisfacción. Este comportamiento causal también se demuestra entre la satisfacción y las intenciones futuras. De- vereux & Weisbrod (2006), identificaron un fuerte efecto de la satisfacción en dos comportamientos futuros de los usuarios de un servicio público: las quejas y la intención de trasladarse a otro vecinda- rio. Mediante la aplicación de modelos de ecuacio- nes estructurales -o SEM, por Structural Equation
Show more

9 Read more

Show all 10000 documents...